Dilma cancela viagem ao Rio e retorna a Brasília
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Dilma cancela viagem ao Rio e retorna a Brasília

Redação

26 de janeiro de 2012 | 17h18

João Domingos, de O Estado de S.Paulo

Atualizada às 18h49

PORTO ALEGRE – A presidente Dilma Rousseff retorna ainda nesta quinta-feira, 26, a Brasília. Ela deveria permanecer em Porto Alegre (RS), onde à noite participará do Forum Social Mundial, e seguiria na sexta-feira, 27, para o Rio de Janeiro para a inauguração da Ponte do Saber. Mas por causa do desabamento de três prédios, na noite desta quarta, no Rio, o governador Sérgio Cabral Filho cancelou a cerimônia.

Em Porto Alegre desde o fim da tarde desta quarta-feira, 25, Dilma participa de sessão especial do Fórum Social Temático (FST) para formalizar o pagamento de uma dívida da União com a Companhia Estadual de Energia Elétrica do Rio Grande do Sul (CEEE). Serão repassados R$3 bilhões ao governo gaúcho.

Durante seu discurso no Palácio Paratini, sede do governo gaúcho, Dilma lamentou o acidente no centro do Rio de Janeiro e disse se solidarizar com as vítimas dos desabamentos. “Acompanhei hoje todo o esforço que o governo do estado e a prefeitura estão fazendo e transmiti a eles também a esperança de que sejam encontradas [as pessoas que estavam nos prédios] com vida, após o esforço que estão fazendo de resgatar aquelas que ainda estão soterradas”.

No Rio, o principal compromisso da presidente seria uma cerimônia de inauguração da ponte que liga a Ilha do Fundão à Linha Vermelha. Além disso, participaria de um almoço em homenagem ao governador Sérgio Cabral, no Palácio das Laranjeiras, pela passagem de seu aniversário. De acordo com a assessoria de imprensa do governo do Rio de Janeiro, os compromissos foram cancelados em comum acordo entre o governador e a presidente.

* Com informações da Agência Brasil

 

Mais conteúdo sobre:

Dilma Rousseff; Sérgio Cabral