As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Contador que pediu dados de filha de Serra à Receita depõe na Superintendência da PF

Bruno Siffredi

03 de setembro de 2010 | 11h50

Bruno Tavares

O contador Antonio Carlos Atella Ferreira presta depoimento desde as 10h15 desta sexta-feira, 3, na Superintendência da Polícia Federal (PF) no bairro da Lapa, zona oeste de São Paulo. O contador foi intimado hoje pela manhã.

Veja também:

Cúpula da Receita omitiu motivação política da violação do sigilo de tucanos

Para não demitir Cartaxo, Lula tira Receita da apuração

PF inicia perícia em computador de servidora sob suspeita

Atella Ferreira é apontado como o autor da procuração usada para acessar as declarações de renda de Verônica Serra, filha do candidato à Presidência José Serra (PSDB), como revelou uma reportagem publicada na quarta-feira, 1º, pelo estadão.com.br.

Em entrevista concedida ao jornal O Estado de S.Paulo na quinta-feira, 2, o contador disse queum colega, Ademir Estevam Cabral, o procurou em setembro de 2009 e lhe encomendou um serviço junto à Receita “para um pessoal de Brasília e de Minas” – a apresentação de um lote de “cerca de 18” pedidos de obtenção de cópias de declarações de imposto de renda de pessoas físicas.

O contador, de 62 anos, disse que não viu nomes na papelada e garantiu ser “uma vítima” de uma armação, “tanto quanto essa moça (Verônica Serra)”. “Armaram para mim, quem armou deve pagar.”

Tudo o que sabemos sobre:

Atella FerreiradepoimentoPolícia Federal

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.