As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Casal Capibeirbe lança abaixo-assinado para assumir cargos

TANIA MARIA BARBOSA MARTIN

17 de janeiro de 2011 | 19h03

João e Janete Capiberibe, do PSB,  lançaram nesta segunda um abaixo-assinado em que pedem que “a vontade soberana do povo” seja cumprida e que os dois sejam considerados eleitos. Ele foi candidato a senador pelo Amapá e ela a deputado federal no mesmo Estado. Ele recebeu 130.411 votos e ela, 28.147 – foi a mais votada. Ambos deveriam assumir seus cargos neste ano, mas em razão da Ficha Limpa, tiveram suas candidaturas cassadas.

É que João e Janete foram condenados em decorrência de uma acusação por compra de dois votos, por 26 reais, em 2002. A condenação levou a cassação dos mandatos, pelo TSE, do então senador e da então deputada em 2005 e em 2006, respectivamente. Por isso o casal Capiberibe foi enquadrado na Lei da Ficha Limpa, que considera inelegível condenados em segunda instância colegiada.

O impedimento gerou reações no PSB e tem  mobilizado o casal, que se declara vítima de conluio político e de falsas acusações. Até às 19h desta segunda, 471 pessoas já tinham assinado o manifesto que deve ser entregue ao Supremo Tribunal Federal, a quem cabe a decisão final sobre a questão.

Veja o site do casal:

capiberibes.JPG

Assista à entrevista de João Capiberibe concedida à TV Estadão em dezembro de 2010

Tudo o que sabemos sobre:

Casal CapiberibeJoão CapiberibePSB

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: