As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Carreata com Dilma em reduto petista de Belo Horizonte leva milhares às ruas

Bruno Siffredi

30 de outubro de 2010 | 13h30

Rodrigo Alvares, enviado especial a Belo Horizonte (MG)

IMG00061_20101030_1236.jpg

Foto: Rodrigo Alvares

Milhares de pessoas acompanharam a candidata petista à Presidência da República, Dilma Rousseff, durante carreata no bairro de Venda Nova, na periferia de Belo Horizonte – o mais populoso da capital mineira, com cerca de 500 mil habitantes e tradicional reduto petista.

Dezenas de carros de som e militantes seguiram a petista, que estava acompanhada dos ministros Alexandre Padilha (Relações Institucionais) e Luiz Dulci (secretário-geral da Presidência), além de um dos coordenadores da campanha e ex-prefeito de Belo Horizonte Fernando Pimentel (PT) e do atual prefeito, Marcio Lacerda (PSB).

O séquito percorreu os 7km sem nenhum incidente. Em alguns trechos, claques de partidos da coligação empunhavam bandeiras pró-Dilma e cantavam jingles da campanha da petista em Minas Gerais, além deste trecho da “Marchinha da Dilma”:

“Serra puxou o tapete do Aécio presidente

E agora na cara de pau, vem pedir voto pra gente

Minas não é São Paulo, aquio Tiririca não tem vez

Nosso voto não é brincadeira, Dilma ganha aqui outra vez”

Cerca de 40 minutos depois, a carreata terminou ao chegar ao município de Ribeirão das Neves – região metropolitana de Belo Horizonte. Dilma evitou a imprensa, entrou no carro e foi embora, rumo a Porto Alegre (RS) – cidade onde irá votar neste domingo.

Tudo o que sabemos sobre:

Belo HorizonteDilma Rousseff

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: