As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Brasileiro está ganhando melhor e por isso poupa mais’, diz Delúbio em artigo

Redação

29 Setembro 2011 | 12h26

Estadão.com.br

“Desemprego é coisa dos anos de FHC e do tucanato”, diz o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares em artigo publicado nesta quinta-feira, 29, em seu site. Reintegrado ao quadro do partido há cinco meses, o petista destaca que o saldo da caderneta de poupança bateu seu recorde, de R$ 400 milhões, e não poupa críticas à gestão do PSDB: “Trata-se de um recorde histórico, jamais alcançado antes por qualquer outro governo”.

Delúbio ainda destaca que em tempos de recessão e crise, o Brasil nunca tinha vislumbrado um crescimento nas aplicações de poupança destacando mais uma vez o governo de FHC, do PSDB e do DEM. “Houve um desestímulo oficial à poupança interna, de imensa irresponsabilidade política e inédita crueldade social” e completa creditando a falta de investimento pelo “estilo frio, desumano e arrogante dos tucanos de tratarem toda e qualquer questão de interesse de nossa gente mais humilde”.

Crescimento de empregos. Outro tópico que o ex-tersoureiro petista aborda é o crescimento da quantidade de empregos no governo Lula e no governo Dilma. “O Brasil vive o pleno emprego desde o governo Lula! E a cada mês no governo de Dilma Rousseff se abrem mais algumas centenas de milhares de vagas em todos os Estados, de Norte a Sul, absorvendo a mão-de-obra e impedindo que a chaga do desemprego reapareça e volte a ser um flagelo para as famílias e um drama para o país. E o trabalhador empregado, quase sempre, poupa”.

Mais conteúdo sobre:

governo LulaPoupança