Barrado pelo Ficha Limpa, Cássio Cunha Lima toma posse no Senado nesta terça
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Barrado pelo Ficha Limpa, Cássio Cunha Lima toma posse no Senado nesta terça

Lilian Venturini

07 de novembro de 2011 | 14h43

O senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) toma posse nesta terça-feira, 8. O senador foi impedido de exercer o mandato em razão da Lei da Ficha Limpa, mas na semana passada o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que Cássio poderia voltar ao Senado, já que a lei só pode ser aplicada a partir de 2012.

Cássio Cunha Lima teve o registro indeferido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em 2010 por abuso de poder econômico e conduta vedada a agente público. “É um caso específico que diz respeito à validação da recontagem dos votos por conta da Lei da Ficha Limpa. Então, nós temos apenas que cumprir a decisão judicial”, disse o senador Ciro Nogueira (PP-PI), da Mesa Diretora do Senado, que examinou o pedido de posse nesta segunda-feira, 7.

O senador Wilson Santiago (PMDB-PB), que ocupava a vaga de Cássio, afirmou ainda na semana passada que vai recorrer novamente ao Supremo Tribunal Federal (STF) e ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Capiberibe. Caso parecido com o de Cássio, o senador João Alberto Capiberibe (PSB-AP) também poderá tomar posse em breve. De acordo com Ciro Nogueira, quando o Senado for comunicado da decisão do STF, o pedido de posse será avaliado dentro de cinco dias. /  Com Agência Senado

Tudo o que sabemos sobre:

Cássio Cunha Limaficha-limpa

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.