PSDB decide lançar ator do ‘Teste de Fidelidade’ para vereador em São Paulo
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

PSDB decide lançar ator do ‘Teste de Fidelidade’ para vereador em São Paulo

Redação

05 de julho de 2012 | 08h00

Bruno Boghossian, do estadão.com.br – atualizado às 17h40

De última hora, o PSDB de São Paulo conseguiu abrir espaço em sua chapa de vereadores para lançar a candidatura do ator Marcos Flávio de Oliveira – conhecido como o Oliver do quadro “Teste de Fidelidade”, que a Rede TV exibia sob o comando do apresentador João Kléber.

Na noite de quarta-feira, 4, o partido chegou a informar Oliver de que não haveria vaga para ele nesta eleição. O ator ameaçou processar o partido. Nesta quinta-feira, 5, os tucanos conseguiram espaço para acomodá-lo após a desistência de um candidato do DEM, que está na mesma coligação.

Oliver ameaçava pedir uma indenização de R$ 2 milhões na Justiça ao PSDB. O ator alegava que havia deixado de assinar contratos com emissoras de TV para disputar a eleição, pois havia recebido garantias de que teria espaço na legenda. Diz ainda que tinha uma vaga garantida no reality show “A Fazenda”, que está no ar na TV Record, mas preferiu dar prioridade a sua carreira política.

Recém-filiado ao PSDB, Oliver apresenta como trunfo para as eleições a fama adquirida ao protagonizar o “Teste de Fidelidade”. No quadro, o ator tentava seduzir mulheres casadas ou comprometidas, enquanto os maridos ou companheiros assistiam às imagens gravadas por câmeras escondidas.

Tudo o que sabemos sobre:

José SerraOliverPSDBTeste de Fidelidade

Tendências: