As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

CPI vota na quinta-feira pedido para convocar Roberto Gurgel

Bruno Lupion

11 de maio de 2012 | 16h29

estadão.com.br

SÃO PAULO – O presidente da CPI do Cachoeira, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), afirmou nesta sexta-feira, 11, que a comissão decidirá na próxima quinta-feira, 17, se o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, será convocado a depor.

A ida de Gurgel à CPI é defendida por parlamentares do PT, que querem saber por que o procurador-geral não abriu, em 2009, durante a Operação Vegas da Polícia Federal, um inquérito para investigar o envolvimento de políticos com o esquema de Carlinhos Cachoeira.

Em entrevista ao Jornal Hoje, da TV Globo, Vital do Rêgo disse que na próxima quinta serão votados “todos os requerimentos que envolvem o Ministério Público, as convocações dos procuradores e a possível convocação do procurador-geral”. Segundo ele, os parlamentares também vão debater na quinta os aspectos jurídicos e técnicos envolvidos numa possível convocação do procurador-geral.

Gurgel já avisou que não pretende comparecer à comissão se convocado e a controvérsia pode chegar ao Supremo Tribunal Federal (STF), a quem caberá a palavra final se o procurador-geral deve ou não ir à CPI. Nesta quinta-feira, 10, ministros do STF se anteciparam e blindaram Gurgel, posicionando-se contra a ida de Gurgel à CPI.

No contra-ataque, o procurador-geral já afirmou que está sendo vítima de uma ofensiva dos réus do mensalão, em uma suposta estratégia para fragilizar a acusação da Procuradoria e atingir seus julgadores.

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.