O Povo: André Ramos afirma que aborto ainda não pode ser um direito das mulheres

Lilian Venturini

20 de setembro de 2012 | 14h42

Por O Povo

O candidato do PPL à Prefeitura de Fortaleza, André Ramos, defende que, atualmente, devido à realidade de pobreza do Brasil, as mulheres não têm condições de optar pelo aborto, tendo assim autonomia sobre seu corpo.

“Somos contra o aborto. Há uma situação de miserabilidade e pobreza muito grande que impede essa questão de ser um direito da mulher, e sim uma condição social. É necessário uma política de planejamento familiar, melhoria no atendimento da saúde, para depois ver se é direito ou não das mulheres”.

O candidato está sendo entrevistado nesta quarta-feira (20) por uma equipe de jornalistas do O POVO, na série A Hora da Verdade.

André Ramos também defendeu a realização de grandes shows nos bairros da periferia durante o réveillon, com atrações nacionais. Ele também se colocou a favor do casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Leia mais em O Povo

Tudo o que sabemos sobre:

candidatoseleiçõesFortaleza

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.