Diário de Pernambuco: Mendonça quer que Eduardo tire do ar propaganda oficial que estaria beneficiando Geraldo Julio

Lilian Venturini

19 de julho de 2012 | 10h13

Por Diário de Pernambuco

Candidato a prefeito do Recife pelo DEM, o deputado Mendonça Filho enviou carta ao governador Eduardo Campos (PSB) pedindo “sensibilidade” diante do desequilíbrio de forças das candidaturas.

O democrata está incomodado com a propaganda institucional do governo do estado que volta os holofotes para ações desenvolvidas no Recife.

O comercial vem sendo veiculado desde a semana passada e transmite a “mensagem” de que o governo socialista tem feito muito pela capital. E mais: em tom de promessa, informa que é só o começo.

Ou seja, estaria fazendo uma ponte entre a gestão estadual e a campanha de Geraldo Julio à Prefeitura do Recife.

O eleitor estaria sendo levado a associar as ações do PSB em Pernambuco ao discurso adotado pelo prefeiturável. Com isso, o jogo estaria se desequilibrando em favor do socialista.

Mendonça quer que o governador aja para evitar o favorecimento do seu candidato do PSB. Segundo o democrata, levando-se em consideração o tempo destinado a cada coligação na propaganda eleitoral, a campanha já é bastante desigual.

Mendonça explicou que não procurou a Justiça Eleitoral porque entende que a judicialização da campanha deve ser o último recurso usado pelos candidatos.

A carta foi entregue ao Palácio do Campo das Princesas através da Casa Civil, comandada pelo secretário Tadeu Alencar.

Leia mais em Diário de Pernambuco

Tudo o que sabemos sobre:

candidatosPernambucoprefeittorecife

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.