Diário Catarinense: Pré-candidatos de Joinville trabalham a popularidade antes do período eleitoral

Lilian Venturini

28 de maio de 2012 | 10h21

Por Diário Catarinense

Enquanto o período eleitoral não começa, os pré-candidatos de Joinville se mobilizam como podem. Reuniões nos bairros, seminários e aparições em eventos de fim de semana

Documento

que os nomes que devem disputar a Prefeitura encontraram para circular antes do pleito.

Documento

  •    PDF

Mesmo assim, até o dia 5 de julho, os candidatos ainda não estão pedindo votos para não descumprir a lei eleitoral e serem multados entre R$ 5 e R$ 25 mil.

Os que já enfrentaram as urnas, como Carlito Merss (PT), Kennedy Nunes (PSD) e Marco Tebaldi (PSDB), preferem as reuniões nos bairros e os cafés com menos pessoas.

Já aqueles que precisam fortalecer o nome junto à população, como o empresário Udo Döhler (PMDB), o advogado Rodrigo Coelho (PDT), o jornalista Leonel Camasão (PSOL) e dr. Xuxo (PR) procuram atingir um número maior de pessoas.

Da mesma forma, o pré-candidato Sandro Silva (PPS), ex-presidente da Câmara de Vereadores, busca ser lembrado pelo eleitor.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.