Governo dos EUA não dá conta da avalanche de pedidos de informações

Daniel Bramatti

13 de março de 2012 | 08h36

obamafoia.jpg

 

Para quem, como nós aqui do Públicos, pensa que os governos do Brasil não estão preparados para atender às exigências da nova Lei de Acesso à Informação, vai aí um dado preocupante: nem nos Estados Unidos os órgãos públicos conseguem dar conta da avalanche de pedidos de informações dos cidadãos.

E lá eles têm tradição e experiência: o FOIA (Freedom of Infomation Act), legislação pioneira em termos de transparência governamental, está em vigor há 45 anos.

Não se pode dizer que a lei seja ignorada: em 2011, a administração Obama respondeu a nada menos que 576 mil pedidos de informações, um aumento de 5% em relação ao ano anterior. Mas o ano terminou com mais de 98 mil requisições na fila, à espera de resposta. Um ótimo levantamento sobre essa situação foi feito pela agência Associated Press. O texto pode ser lido aqui, em inglês.

(Daniel Bramatti)

 

Tudo o que sabemos sobre:

FOIAlei de acesso à informação

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: