Só para mulheres

Estadão

18 de setembro de 2006 | 14h43

Mais de dez shoppings “só para mulheres” devem ser construídos na Índia nos próximos dois a três anos, segundo informação do jornal Economic Times. Os shoppings vão oferecer apenas produtos femininos e as consumidoras serão atendidas exclusivamente por vendedoras. Alguns dos shoppings serão especializados em jóias e casamento.

O Eva Mall, que fica na principal rua de Bangalore, foi pioneiro no conceito. É lá que fica a única loja da Adidas na Ásia inteira que é exclusivamente voltada para mulheres.

Os homens não são vetados desses shoppings. Eles apenas não têm muito o que fazer lá nas lojas – a menos que tenham um prazer masoquista em ficar sentados naquelas fatídicas poltronas, esperando a mulher sair do provador.

Este conceito “só para mulheres” é bem diferente da experiência de fazer compras na Arábia Saudita, onde a segregação nos shopings é a regra. Andares ou shoppings exclusivos para mulheres são normais.

“Ladies Only. No cameras. Remove your face cover” – são mensagens afixadas na entrada desses shoppings, onde até os seguranças são do sexo feminino.

Foto: Karin Dauch

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.