Gigantes China e Índia se unem para comprar empresas de petróleo do mundo

Estadão

22 de setembro de 2006 | 15h11

Na busca por recursos energéticos que garantam seu crescimento alucinante, China e Índia deixam as desavenças de lado. As duas potências econômicas estão se unindo para comprar empresas de petróleo. A empresa indiana ONGC e a chinesa Sinopec acabam de fazer uma aliança para comprar por US$ 850 milhões a Omimex da Colômbia, que produz 1 milhão de toneladas de petróleo por ano.

Em janeiro, a indiana OVL havia se unido à chinesa CNPC para comprar uma participação em uma companhia da Síria.

Segundo fontes do “Itamaraty” indiano, China e Índia estudam outras aquisições conjuntas em petrolíferas da América do Sul.

PS:Boa notícia para os leitores que estavam com “overdose” de Índia. Estou no aeroporto de Heathrow, a caminho de casa, depois de 31 dias de andanças pela Índia. Estive em mais de 15 cidades e entrevistei empresários, ministros, diplomatas, ONGs, profissionais liberais, pessoal nas ruas, agricultores, etc. O resultado sairá em novembro, na forma de um caderno especial sobre a competitividade da economia indiana. Abaixo, duas fotinhos de despedida. As fotos foram tiradas na zona rural, nos vilarejos do Rajastão. Namaste

>

Fotos: Patrícia Campos Mello

O blog volta na segunda, com comentários e notícias sobre economia internacional.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.