A internets, esta desconhecida

Estadão

26 de junho de 2008 | 15h15

O candidato republicano John McCain confessa ser um “analfabeto” em computadores e diz depender de sua mulher, Cindy, para navegar na internet. Cindy, em contrapartida, não larga do Blackberry um minuto.

Obama é outro Crackberry, que outro dia quase bateu num poste enquanto checava seu e-mail. Segundo sua assessoria, ele sempre leva seu laptop na campanha e conversa com as filhas pela internet. Isso sem falar no site dele, o Facebook do Obama, que é um fenômeno em organização de voluntários e arrecadação de recursos.

Será que um presidente precisa ser um expert em internet? Ou pelo menos saber googlar?
O presidente W., por exemplo, é autor da famosa gafe, seu momento Mussum – chamou a internet de “internets”.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.