Vexames da trupe bolsonarista na CPI

Ministério da Saúde só contratou a compra de 280 milhões de doses de vacina anticovid, após ter feito campanhas publicitárias e comunicados oficiais multiplicando o total por dois

José Nêumanne

06 de maio de 2021 | 20h42

Chefão do PP) e do Centrão, Ciro Nogueira pagou o mico ao ser flagrado pelo depoente, Mandetta, lendo pergunta que este já tinha recebido de Fábio Faria. Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Em peças de propaganda e em declarações públicas do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, a pasta diz já ter comprado mais de 560 milhões de doses de vacina anticovid. Mas, em resposta oficial ao Congresso, a pasta informou que o número realmente contratado é a metade disso: 280 milhões de doses. Essa imunização meia-boca e “aos soluços” do dr. Quidroga inspira a troca do lema Ordem e progresso da bandeira por me engana que eu gosto. Na CPI de terça-feira o destaque foram os vexames de Ciro Nojeira, que mal conseguiu ler as ordens do capitão do mato do gabinete do ódio e do secretário de Comunicação, Fábio Faria, que tremeu feito vara verde para tentar justificar o injustificável, ter passado a cola de Ciro para o WhatsApp do depoente. Será ele frouxo ou maricas, segundo o capetão machão?

Para ouvir o comentário clique aqui e, em seguida, no play

 

Assuntos para comentário na quinta-feira 6 de maio de 2021

1 – Haisem – Com Biden, Estados Unidos vão apoiar suspensão de patentes de vacinas – Esta é a manchete da edição impressa do Estadão desta quinta-feira. Que conseqüências a reviravolta no mercado internacional poderá trazer para a imunização aqui entre nós no Brasil

2 – Carolina – Apoio a Bolsonaro nas redes sociais sofre abalo – Este é o título de uma chamada no alto da primeira página do jornal de hoje. O que causou essa mudança significativa no prestígio do presidente da República no universo da comunicação que o apoia dos computadores

3 – Haisem – Teich revela pressão no governo por cloroquina – Este é o título de mais uma chamada na dobra de cima do Estadão que está circulando no momento. O que trouxe de novo o ex-ministro da Saúde por 29 dias no segundo dia de depoimentos na CPI da Covid no Senado

4 – Carolina – Governo de São Paulo amplia leque de vacinados; professor trava – Eis aí o título de outra chamada de primeira página do jornal do dia. O que justificou a mudança de planos da autoridade pública do mais populoso Estado da Federação em seu plano de vacinação

5 – Haisem – Selic vai a 3,5% ao ano, na segunda alta este ano – Este é o título de uma chamada na primeira página do Estadão de hoje. O que pode ter levado a autoridade monetária do País a ter adotado essa providência

6 – Carolina – Na quarentena Big Brother Brasil retrata manias do brasileiro – é o título de chamada de primeira página do jornal deste dia. Que novidade traz esta notícia da vitória de sua conterrânea Juliete Freire no reality show de maior sucesso da televisão brasileira

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.