Toffoli vai de FAB
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Toffoli vai de FAB

Presidente do STF abusa da prerrogativa do cargo ao viajar de jato oficial para homenagem ao pai no interior do Paraná com medo de ser hostilizado em avião de carreira

José Nêumanne

27 de dezembro de 2019 | 12h51

Dias Toffoli se expõe com toga aos olhos do público pela TV, mas se esconde dos cidadãos com medo da própria impopularidade. Foto: Dida Sampaio/Estadão

A notícia de que o presidente do STF, Dias Toffoli, pegou um avião da FAB com 11 caronas para Ribeirão Claro (PR) para prestigiar homenagem a seu pai, Luiz Toffoli, é vergonhosa, mas não é surpreendente. O chefão do Poder Judiciário alega viagem a serviço, sem que ninguém entenda em que o preito paterno possa interessar a milhões de contribuintes que pagam ao bacharel os mais altos vencimentos do serviço público. E fica claro que a alegação do quesito “segurança” deve-se, sobretudo, à impopularidade da mais alta autoridade judiciária, que não tem condições de dividir transporte com cidadãos que justamente se indignam com seus atos.

Para ouvir clique aqui e, em seguida, no play

 

Assuntos para comentário na terça-feira 24 de dezembro de 2019

1 – 0 que você tem a dizer sobre a notícia de que o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, usou avião da FAB para deslocamento e estica viagem para resort de luxo

2 – Você acha que o Ministério Público Federal tem alguma chance de sucesso no recurso ao plenário do Superior Tribunal de Justiça contra a decisão monocrática do ministro Napoleão Maia soltando o ex-governador da Paraíba Ricardo Coutinho

3 – Bolsonaro dá indulto a policial preso por crime culposo – Esta notícia foi dada em manchete de primeira página na edição do Estadão hoje. O que você tem a dizer sobre esta decisão do presidente da República

4 – Você acha que o presidente Jair Bolsonaro teve alguma boa razão para dar um aumento de 100% nas diárias dos militares como complemento ao soldo, conforme contou ao repórter Mateus Vargas

5 – Você teria algo a comentar sobre o rapaz que salvou um bebê atacado por um pitbull quando passeava com a babá na zona norte do Rio

6 – Por que você escreveu seu artigo semanal para o Blog do Nêumanne no Portal do Estadão – A volta dos que não foram – a respeito de casos tão antigos como a guerra suja das teles no primeiro governo Lula e o sepultamento da Operação Castelo de Areia no primeiro governo Dilma

7 –  Que razões você acha que o ditador venezuelano Nicolás Maduro pode ter alguma razão ao acusar o Brasil de estarem em território brasileiro as armas roubadas de bases militares situadas ao sul de seu país, o que o Itamaraty nega

8 – Sauditas condenam cinco por assassinato de jornalista – este é o título de chamada de primeira página no Estadão. A notícia à véspera do Natal o surpreendeu de alguma maneira

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: