Nem periódica nem panaceia
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Nem periódica nem panaceia

Não há solução democrática possível para a crise do Brasil fora das páginas da Constituição

José Nêumanne

03 de junho de 2016 | 19h19

A solução está nas páginas deste livrinho

A solução está nas páginas deste livrinho

Não há encaminhamento de solução democrática para a crise política e econômica do Brasil fora da Constituição. Opinião nenhuma, inclusive a minha, vale alguma coisa se confrontada com a ordem institucional do Estado Democrático de Direito. Eleição é fundamental na democracia, mas não é tudo. É começo, não é fim nem detergente ou desculpa para perdoar crime de responsabilidade de governante. Da mesma forma que a Constituição era na ditadura, eleição não pode virar periódica. Nem panaceia universal para os males do País. Precisamos entender que no momento o principal é apoiar o esforço para desatolar o Brasil da crise evitando que seus criadores voltem a ter o poder para piorar.

(Comentário no Direto da Redação 3 da Rádio Estadão – FM 92,9 – na sexta-feira 3 de junho de 2016, às 18 horas)

Para ouvir, clique aqui e, aberto o site da rádio, duas vezes no play abaixo do anúncio em azul

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: