Sucesso na Suíça
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Sucesso na Suíça

Lava Jato faz sucesso em Davos, na Suíça, pois garante a investidores lisura nos negócios no Brasil

José Nêumanne

18 de janeiro de 2017 | 19h03

Temer não foi a Davos, mandou Meirelles, mas foi Janot quem brilhou Foto: Gian Ehrenzeller/EFE

Temer não foi a Davos, em seu lugar mandou Meirelles, mas foi Janot quem brilhou Foto: Gian Ehrenzeller/EFE

Critiquei duramente Michel Temer por ele ter fugido do confronto com o mercado internacional em Davos, mandando em seu lugar o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles. Vejo-me, contudo, obrigado a me penitenciar por me ter enganado. No frigir dos ovos, o presidente fez bem em não ir ao Fórum Internacional de Economia, já que ainda não tem muito a comemorar no desempenho da tarefa de tirar o Brasil do pré-sal da crise. O sucesso feito pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, no inverno suíço, mostrou que a Lava Jato não prejudica o ambiente de investimentos, mas, ao contrário, o beneficia, pois dá uma segurança jurídica que o investidor talvez não confiasse mais haver por aqui.

(Comentário no Direto da Redação 3 da Rádio Estadão – FM 92,9 – na quarta-feira 18 de janeiro de 2017, às 17h33m)

Para ouvir clique aqui e, aberto o site da emissora, 2 vezes no play sob o anúncio em azul

Tendências: