STF deixa Bolsonaro mentir à toa

Cúpula do Judiciário deixa presidente à vontade para insultar seus ministros ao não citar o nome dele na resposta nem Goebbels, ministro de propaganda nazista, com quem chegam a compará-lo

José Nêumanne

30 de julho de 2021 | 20h18

Negro, filho de pescador e empregada em pousada na qual a família mora em Baía Formosa, no Rio Grande do Norte, Ítalo Ferreira, medalha de ouro no surf, é herói do povo brasileiro oprimido. Foto: Carla Carnie/Reuters

1 – #supremotribunalfederal não reage à altura às acusações que Bolsonaro lhe faz em resposta anônima em que cita frase de Goebbels.2 – Ministra Rosa Weber dá a melhor resposta ao permitir a quebra de sigilo de assessor do presidente pela #cpidacovid no #senado, e deviam imitá-la.3 – Vexame dos esportes sem apoio do Estado gatuno é compensado pela atuação dos brasileiros pobres e oprimidos que se tornam campeões.#joseneumannepinto. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver vídeo no YouTube clique aqui

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.