STF contra reformas
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

STF contra reformas

Mais do que da oposição e do derrotado Renan reformas para consertar contas públicas e medidas legais apresentadas por Moro para combater crime enfrentarão má vontade do STF militante

José Nêumanne

05 de fevereiro de 2019 | 11h14

Moro apresenta para alguns governadores pacote de medidas legais para combater violência e corrupção. Foto: Divulgação/Ministério da Justiça

O que ameaça as reformas constitucionais necessárias para alcançar o equilíbrio das contas públicas – incluindo a da Previdência – não é a oposição nem as mágoas de derrota de Renan, mas a ação solerte e impatriótica dos 11 ministros do STF, sempre à disposição para servir de guardião não para a cidadania, mas, sim, para a “privilegiatura” nacional. O mesmo vale para o pacote apresentado pelo ministro da Justiça, Sérgio Moro, e aprovado pelos governadores que se dispuseram a ouvi-lo no lançamento. Medidas como a prisão após condenação em segunda instância e a criminalização do caixa 2 provocam arrepios nos advogados ricaços de bandidos poderosos, que põem seus honorários acima de tudo.

Para ouvir clique aqui e, em seguida, no play

 

Assuntos do comentário da terça-feira 5 de fevereiro de 2019

 

 

1 – Haisem – Moro apresenta pacote de segurança, que será submetido ao Congresso e certamente será ameaçado pelo STF. Ele terá prisão depois da segunda instância e criminalização da caixa 2

SONORA_FACCOES

 

2 – Carolina – Governadores fazem sugestões para facilitar aprovação do pacote no Congresso

 

3 – Haisem – Os ministros da Justiça de Renan Calheiros até Sérgio Moro

 

4 – Carolina – Governo cortará 21 mil cargos, comissões e funções gratificadas

 

5 – Haisem –  Não há previsão para TSE analisar pedido de cassação de Davi Alcolumbre

SONORA_ALCOLUMBRE 0502

 

6 – Carolina – Barroso manda processo contra Temer e outros para justiça de primeira instância em São Paulo

 

7 – Haisem –  Ponte da Cidade Jardim e outras cinco correm risco de colapso

 

8 – Carolina – União Européia pressiona Maduro para convocar eleições, reconhece Guaidó, mas Putin reage com rudeza