Só cartazes de “Procura-se”
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Só cartazes de “Procura-se”

Nas paredes dos palácios não há quadros de santos, mas cartazes de "procura-se"

José Nêumanne

14 de junho de 2017 | 20h06

Cármen Lúcia e Eunício certamente não estão nada contentes com a confusão entre STF e Senado

E que ninguém me venha com essa patacoada de que não há substitutos para os mandatários dos três Poderes atingidos no tiroteio. Há, no mínimo, 200 milhões de brasileiros honestos o suficiente para substituí-los nas tarefas que poucos deles não desonraram.

Este é o último parágrafo de meu artigo “Não há ingênuos nesse prostíbulo”, publicado na página 2 do Estadão da quarta-feira 14 de junho de 2017.

Para ler a íntegra do artigo clique aqui

Tendências: