Salles, ministro de Bolsonaro, acusado de corrupção

Investigação iniciada pelo diretor afastado da PF no Amazonas, agora autorizada pelo STF, levou a buscas e apreensões nos gabinetes e casas do ministro do Mau Ambiente e assessores

José Nêumanne

20 de maio de 2021 | 20h26

Salles foi a causa do afastamento do federal Saraiva da direção da PF no Amazonas por intervenção dos filhos de Bolsonaro, mas estes não tiveram como evitar a canetada de Moraes, do STF, que mandou investigá-lo. Foto: Dida Sampaio

1 – O #ministrodomeioambiente, #ricardosalles, sofreu mandados de #buscaeapreensao e #quebradesigilobancario por ordem do #ministrodostf #alexandredemoraes, por protagonizar a #operacaoakuandaba, que investiga venda de madeira extraída ilegalmente. 2 – O #exministrodasaude #eduardopazuello mentiu pelo menos dez vezes em depoimento prestado na #cpidacovid no #senado. 3 – #licitacao para compra de #ferramentadeespionagem expôs disputa entre o vereador do #rio #carlosbolsonaro e #comandosmilitares. 4 – O #deputadohildorocha disse que a negociação do #bolsolao foi feita no gabinete do #secretariogeraldapresidencia, #generalluizeduardoramos, e não no #congresso. #joseneumannepinto. #diretoaoassunto. Inté. E só a verdade salvará as nossas vidas.

Para ver vídeo no YouTube clique aqui

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.