As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

PSDB e PT saqueando seu bolso

Gestão conjunta do PSDB do presidente Macris com o PT do mano Tatto desperdiça dinheiro público contratando assessores para recompensar partidos que garantiram controle dos dois partidos sobre pauta e caixa

José Nêumanne

31 de março de 2019 | 19h54

Sob controle do presidente Cauê Macris, do PSDB, e Enio Tatto, do PT, Alesp continua desperdiçando dinheiro público, contratando sem controle e sem produzir nada para cidadão. Foto: Felipe Rau.

O PSDB tem a terceira maior bancada da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo e o PT, apenas dez vereadores. Mas, juntos e com apoio do PTB, que tem dois (2!), e mais outros indignos representantes da podre realpolitik, elegeram Cauê Macriz presidente e Ênio Tatto primeiro secretário. Com a chave do cofre ampliaram em sete vezes o número de assessores do líder do PTB, ex-presidente da Casa, e anabolizaram os próprios gabinetes e dos líderes de suas legendas. Uma ignomínia digna de processo na Justiça para salvaguardar interesses do contribuinte lesado. E também uma excelente oportunidade para uma devassa não apenas sobre o assalto aos cofres públicos dos falsos adversários e desde sempre aliados sócios tucanos e petistas e também pondo sub judice a própria existência da Alesp, que não tem nem nunca teve serventia. Direto ao assunto, inté e só a verdade nos salvará.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.