As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Prefeitura paulistana será ápice para Matarazzo

Na série Nêumanne entrevista, Andrea Matarazzo garantiu que, se ganhar eleição, cumprirá integralmente 4 anos de mandato de prefeito de São Paulo e, ao fim e ao cabo, se retirará da vida pública

José Nêumanne

07 de setembro de 2020 | 21h59

Paulistano, 63 anos, Andrea Matarazzo foi subprefeito da Sé, secretário de subprefeituras e vereador municipal de São Paulo, além de secretário de Cultura do Estado e da Indústria no governo Itamar Franco. Foto: Nilton Fukuda/Estadão

O candidato do PSD à Prefeitura de São Paulo, Andrea Matarazzo, recorre a seu currículo de serviços prestados ao município de maiores orçamento e população no Brasil como subprefeito da Sé, secretário de subprefeituras e vereador, tendo sido ainda secretário da Cultura do Estado, orgulhando-se, por isso, de conhecer minuciosamente seus problemas e de apresentar um elenco de propostas para eles com o trabalho que realizou na Câmara e nas gestões de José Serra e Gilberto Kassab. Na quarta entrevista da série Nêumanne entrevista neste canal garantiu que cumprirá o mandato de quatro anos integralmente, pois não pretende fazer da gestão municipal trampolim para outras disputas eleitorais em qualquer nível. Para ele, uma vitória eventual de sua chapa puro sangue, com a deputada Marta Costa de vice.será o ápice de sua carreira, pois, aos 63 anos, pretende retirar-se da vida pública e “gozar merecido descanso” após o cumprimento integral da missão. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: