Pena de morte política
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Pena de morte política

Dilma negocia disputar eleição em 2018, mesmo após impedida

José Nêumanne

30 Agosto 2016 | 10h52

Dilma fala no Senado

Dilma fala no Senado

Afastada da Presidência da República, no Palácio da Alvorada, Dilma deu uma entrevista em que previu que, se viesse mesmo a ser deposta, ela se tornaria uma carta fora do baralho no jogo do poder no Brasil. No texto de 45 minutos que leu para os senadores na abertura da sessão em que se defendeu perante seus juízes naturais, os senadores, ela disse que o impeachment seria a decretação de sua morte política. No entanto, seus aliados negociam uma anistia à quarentena de seus direitos políticos para candidatar-se ao Senado pelo Estado do Rio Grande do Sul. Trata-se, contudo, de um privilégio injustificável, que a Nação espera que não lhe seja concedido.

(Comentário no Direto da Redação 3 da Rádio Estadão – FM 92,9 – na segunda-feira 29 de agosto de 2016, às 18 horas)

Para ouvir clique aqui e, aberto o site da emissora, 2 vezes no play sob o anúncio em azul