Pelos amigos, tudo!

Pelos amigos, tudo!

Com tudo dominado em Brasília, Temer não está nem aí para Espírito Santo conflagrado

José Nêumanne

08 de fevereiro de 2017 | 09h49

Governo federal entrega Vitória à própria insegurana Foto Wilton Jr/Estadão

União entrega Vitória à própria insegurança Foto Wilton Jr./Estadão

Qualquer brasileiro sensato sabe que 28% de defasagem salarial é terrível para pais de família que ganham menos de R$ 3.000,00 por mês. Sabe até porque a grande maioria sofre essa realidade: trabalha mais e ganha menos. Isso, contudo, não altera o fato de que PM não pode fazer greve e a lei tem que ser cumprida. O Ministério da Justiça está por conta do secretário executivo, pois o ministro tem mais o que fazer: o discurso de posse no STF. E o presidente da República tem de acertar com Wellington Moreira Franco, por ele protegido de Moro pelo foro, e Eliseu Padilha, o grileiro-mor da República, da composição da Comissão de CCJ do Senado para aprovar seu amigo para o STF.

(Comentário no Estadão no Ar da Rádio Estadão – FM 92,9 – na quarta-feira 8 de fevereiro de 2017, às 7h12m)

Para ouvir clique aqui e, aberto o site da emissora, 2 vezes no play sob o anúncio em azul

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.