Pegou 1 milhão pra ganhar eleição
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Pegou 1 milhão pra ganhar eleição

Por unanimidade, STF torna Gleisi e Bernardo, ex-ministros do PT, réus por corrupção

José Nêumanne

28 de setembro de 2016 | 17h58

Gleisi e Bernardo, juntos no processo

Gleisi e Bernardo, juntos num processo

A ex-chefe da Casa Civil de Dilma Rousseff Gleisi Hoffman, hoje senadora, e seu marido, ex-ministro de Planejamento de Lula e de Comunicações de Dilma, viraram réus em processo aberto no STF por 5 a 0 na Segunda Turma, acusados de terem recebido propina de R$ 1 milhão da Petrobrás para financiar a campanha dela para o Senado em 2010. O vexame do casal é agravado pela lembrança do desempenho histérico recente dela na votação do impeachment no Senado, ocasião em que chegou a acusar aos berros seus colegas de não terem autoridade moral para condenar sua “presidenta”. Bernardo também é acusado de descontar propina dos holerites de seus funcionários.

(Comentário do Estadão no Ar da Rádio Estadão – FM 92,9 – na quarta-feira 28 de setembro de 2016, às 7h12m)

Para ouvir clique aqui e, aberto o site da emissora, 2 vezes no play sob o anúncio em azul

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: