As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Os trágicos trapalhões

O Papa se condoeu, o New York Times deu na primeira página e Temer nem liga pra Manaus

José Nêumanne

04 de janeiro de 2017 | 18h38

 

O massacre de Manaus está sendo investigado por um bando de incompetentes. O governo do Amazonas foi avisado e não conseguiu evitar. O Papa Francisco expressou dor e preocupação e o New York Times noticiou, mas o presidente Temer não está nem aí e não deu um pio. Dizem que ele é o Rei do Cagaço. Mandou o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, dizer que não há facções em guerra, de vez que nem facções há. É tudo fantasia da mídia sensacionalista, sabia?  O governador do Estado, José Melo, jura que não havia santos entre os decapitados – como se ele fosse flor que se cheire. A chacina bárbara e horrenda é até agora testemunhada por uma trupe de trágicos trapalhões. O País que se dane!

(Comentário do Direto da Redação 3 da Rádio Estadão – FM 92,9 –da quarta-feira 4 de janeiro de 2017, às 17h35)

Para ouvir clique aqui e, aberto o site da emissora, 2 vezes no play sob o anúncio em azul

Tendências: