Os condestáveis do doutor Michel
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Os condestáveis do doutor Michel

Egressos da base do Rio, Cunha chegou ao poder com Marun e Maia com o inexpressivo Baldy

José Nêumanne

22 de novembro de 2017 | 11h54

Onipresente Marun atua na CPI da JBS contra Janot, inimigo de Cunha e Temer. Foto: Alex Ferreira/Câmara dos Deputados

Meu Direto ao Assunto abriu o Podcast dos Comentaristas do Jornal Eldorado da Rádio Eldorado – 107,3 – da quarta-feira 22 de novembro de 2017 com a constatação da ascensão de dois condestáveis do governo Temer, Maia e Cunha, ambos da base governista do Rio, imagine; da paulada de Dodge na Alerj e seu trio parada dura; do documento valioso do Banco Mundial sobre nossas desastradas contas públicas; e do trágico recorde de 900 emendas à MP da única reforma que poderia ter vingado: a trabalhista. Eliane Cantanhêde disse que chegou o dia de apresentar a reforma da Previdência, a grande tacada do governo Temer para ter pelo menos o prazer do dever cumprido, mas cujo resultado é incerto; e que amanhã será a vez do foro privilegiado no Supremo, com muita tensão entre os ministros. Gustavo Loyola comentou a reforma da Previdência, números positivos da economia e novo relatório do Banco Mundial. E, em Perguntar Não Ofende, Marília Ruiz constatou que ninguém quer falar sobre Lucas Lima, Cueva ou drones, ora, veja só!

Para ouvir clique aqui

 

Tendências: