O que enfurece Maia

O que enfurece Maia

Furor do presidente da Câmara é causado pela prisão do padrasto da mulher e pela possibilidade de vir a ser alcançado pelo pacote anticrime de Moro, nada a ver com articulação da reforma da Previdência

José Nêumanne

25 de março de 2019 | 12h47

Enquanto duelava com Bolsonaro no noticiário, Maia almoçou com Doria em São Paulo. Foto: Gabriela Biló/Estadão Conteúdo

A irritação de Rodrigo Maia, que o levou a bater boca com o presidente Jair Bolsonaro no noticiário, não tem nada que ver com desacerto da reforma da Previdência, mas, sim, com a prisão do padrasto de sua mulher, Moreira Franco, e principalmente com o fato de ele ser o Botafogo da lista de propinas das delações premiadas da Odebrecht. Isso também vale para Davi Alcolumbre, como ele guindado à presidência do Senado pelo correligionário Onyx Lorenzoni, do DEM e chefe da Casa Civil de Bolsonaro. Portanto, se o presidente não sabia, depois de 26 anos de exercício de mandatos na Câmara dos Deputados, com quem estava lidando, deveria questionar a respeito seu auxiliar, que trabalha a seu lado.

Para ouvir clique aqui e, em seguida, no play

 

Assuntos para o comentário de segunda-feira 25 de março de 2019

1 – Haisem – Até que ponto pode ir esta crise entre Bolsonaro e Maia e ainda dá para evitar que ela prejudique de forma inadiável a reforma da Previdência

SONORA_BOLSONARO 2503 B

2 – Carolina – O que levou Rodrigo Maia a arquivar o projeto anticrime levado à Câmara pelo ministro da Justiça, Sérgio Moro

SONORA_MAIA 2503

3 – Haisem – Bolsonaro tem razão quando diz que o problema da reforma da Previdência é do Legislativo, e não dele, e que a velha política é que está atrapalhando e o que o Executivo ganha com isso

4 – Carolina – Ao instruir o líder do governo na Câmara, Vitor Hugo, Bolsonaro avança nas escaramuças do Congresso contando só com os representantes do que ele define como política nova

5 – Haisem – Quais seriam, a seu ver, as chances da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, de ser reconduzida ao cargo pelo presidente

6 – Carolina – Que bons resultados diplomáticos o Brasil consegue ao anunciar com a parceria de Sebastián Piñeira, presidente do Chile, que não serão usadas tropas para depor Maduro na Venezuela

7 – Haisem – Que motivos Bolsonaro teve para mexer no vespeiro das memórias chilenas ao elogiar o ditador Augusto Pinochet?

8 – Carolina – O que faz sua entrevista da semana com o delegado Romeu Tuma Jr. no Blog do Nêumanne bombar tanto no Portal do Estadão quanto no Twitter e no Facebook

 

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.