As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

O jeito é rezar

Não há um grupo capaz de tirar o Brasil da crise sozinho. Só será possível fazê-lo com harmonia.

José Nêumanne

08 de junho de 2016 | 20h19

Janot, o inescrutável

Janot, o inescrutável

Diário do Nêumanne – Quarta-feira 8 de junho de 2016

Neste ambiente, eu não quero ser a bala de prata pra matar o facínora, mas, sim, ter o dedo pra enfiar no buraco que a bala faz. Só nos resta rezar para evitar que ela se espatife ao solo. Com as mãos postas, é o caso de rezar sem fé, mas com fervor e teimosia.

Para ler texto na íntegra clique aqui

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: