O homem que sabia demais

O homem que sabia demais

`PF conduz principal executivo do PT nos fundos de pensão para contar tudo sobre roubalheira

José Nêumanne

10 de setembro de 2016 | 12h12

E Sérgio Rosa vai à PF

E Sérgio Rosa vai à PF

A condução coercitiva do sindicalista bancário Sérgio Rosa, que imperou soberano no reino dos fundos de pensão pela Polícia Federal para ele contar tudo o que sabe aos federais, procuradores e o juiz Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Criminal Federal de Brasília, no âmbito da Operação Greenfield, é um marco, um ponto de inflexão na politica brasileira. Rosa disse aos repórteres depois de 3 horas e meia de depoimento que gostaria de contar, mas não pode, porque depõe sob sigilo de justiça. Ele não precisa tornar pública sua versão. O que deveria mesmo era explicar tintim por tintim como foi o saque aos fundos aos agentes da lei.

(Comentário no Estadão no Ar da Rádio Estadão – 92,9 – da quinta-feira 8 de setembro, às 7h20m)

Para ouvir clique aqui e, aberto o site da emissora, 2 vezes sob o anúncio em azul

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.