O desmanche da cultura
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

O desmanche da cultura

Calero terá de desaparelhar Ministério da Cultura, reduzir custo da Lei Rouanet e recuperar museus e bibliotecas

José Nêumanne

23 de maio de 2016 | 15h44

Calero assume missão pra Hércules

Calero assume missão pra Hércules

Recriação do Ministério da Cultura, oitavo recuo do presidente em exercício, Michel Temer, só terá sentido se o novo titular da pasta, diplomata Marcelo Calero, empreender a tarefa hercúlea, mas indispensável neste momento de crise com 14 milhões de desempregados, de desaparelhar a gestão, hoje controlada por esquerdistas radicais do PT e do PCdoB, e coibir roubo, reduzir a renúncia fiscal milionária da Lei Rouanet, eliminando patrocínio público de artistas famosos e ricos, interromper a estatização do direito autoral e adotar uma política cultural que recupere bibliotecas, museus e outras instituições públicas, hoje roídas e devastadas por incúria, traças e bolor. Este é o caroço do angu da Cultura.

(Comentário no Estadão no Ar da Rádio Estadão, FM 92,9, na segunda-feira 23 de maio de 2016, às 7h15m)

Clique aqui e, aberto o site da emissora, no play