O cúmulo do cinismo
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

O cúmulo do cinismo

Temer e Fux entraram na História como signatários do acordão mais safado e que mais lesou cidadania da História do Brasil ao consagrarem aumento de subsídios em troca do fim do auxílio-moradia de juízes

José Nêumanne

27 Novembro 2018 | 07h03

Temer associou-se a Fux e ao STF em assalto histórico e descarado ao bolso do contribuinte. Foto: Dida Sampaio/Estadão

O presidente Michel Temer e o vice-presidente do STF, Luiz Fux, entraram para a História como signatários do acordo mais cínico e mais lesivo ao contribuinte da História do Brasil, ao assinarem simultaneamente o aumento de 16,38% dos vencimentos e o fim do auxílio-moradia para os juízes num pacto mafioso inédito em benefício de uma categoria de servidores. Em qualquer ocasião, este acordo já seria um escárnio, mas passa de qualquer limite depois do recado passado nas urnas pelo cidadão de que não aceita mais esse tipo de safadeza dos maiorais de nossa República – o primeiro, recordista histórico de impopularidade; o segundo, membro de uma instituição desmoralizada. Este foi meu comentário no Estadão Notícias, no Portal do Estadão desde 6 horas da terça-feira 27 de novembro de 2018.

Para ouvir clique aqui e, em seguida no player