As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

O autogolpe de Bolsonaro e as PMs

Parlamentares bolsonaristas trabalham pela aprovação de projetos de leis orgânicas de Polícias Militares e Civis para reduzir poder de governadores sobre essas instituições, em que é muito popular

José Nêumanne

12 de janeiro de 2021 | 21h32

Em formaturas de PMs em academias estaduais de polícia em vários Estados da Federação, Bolsonaro confraterniza com simpatizantes e os instiga a combater inimigos, principalmente a imprensa. Foto: Wilton Jr./Estadão

1 – Bolsonaristas tentam impingir ao Congresso reformas nas leis orgânicas das PMs e das polícias civis estaduais sabotando o controle dos governadores e realizando o antigo sonho do capitão de milícias de assumir poder absoluto com apoio das corporações responsáveis pela segurança publica. 2 – Sabujo ministro da Justiça processará os jornalistas Ruy Castro e Noblat, que ousaram sugerir ao presidente que se mate. Um nojo! 3 – Diretor do Butantã, com tradição de 119 anos em imunização, Dimas Covas desonra o posto e o sobrenome para servir ao jogo sujo de Doria na batalha limpa da imunização. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver vídeo no YouTube clique aqui

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.