As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Nota zero em educação

Governo diz que está cortando verbas em universidades para aplicá-las em ensino básico, porque um universitário equivale a dez alunos no primário, mas também a instrução pública infantil está sofrendo cortes

José Nêumanne

04 de maio de 2019 | 20h12

Bolsonaro condecorou Flávio e Eduardo com a Ordem Nacional de Rio Branco, omitindo Carlos, e desistiu de ser homenageado em Nova York. Foto: Dida Sampaio/Estadão

Jair Bolsonaro disse no SBT que dinheiro economizado nas universidades será usado no ensino básico. Abraham Weintraub, ministro com nota zero no currículo escolar e desculpas esfarrapadas para justificá-la, também se pronunciou afirmando que cada aluno cursando ensino superior custa o gasto com dez crianças na instrução básica. Só que não se trata de economizar em um para investir em outro. Ao menos R$ 2,4 bilhões para investimentos em ensino básico e médio foram bloqueados pelo Ministério de Educação. Esses bloqueios são feitos por falta de dinheiro, não para aplicá-los nos lugares nos quais deveriam sê-lo. Direto ao assunto. Inté. Só a verdade nos salvará.

Para ver o vídeo no YouTube clique aqui

Tendências: