Nada de sombra e água fresca
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Nada de sombra e água fresca

Procuradora-geral pede ao Supremo que cancele o presentão de Natal de Temer aos corruptos

José Nêumanne

28 de dezembro de 2017 | 12h39

Dodge pede para STF negar sombra e água fresca dadas por Temer a corruptos Foto: Fábio Motta/Estadão

Meu Direto ao Assunto deu início ao Jornal Eldorado da Rádio Eldordo – FM 107,3 – da quinta-feira 28 de dezembro de 2017 apoiando as duras críticas da procuradora-geral da Republica, Rquel Dodge, ao decreto de insulto de Natal de Temer e os termos também pesados da carta de sete governadores nordestinos à brutalidade de Carlos Marun; e constatando a queda do emprego em novembro, o pedido de demissão do ministro do Trabalho e o perdão de costume do STF ao condenado no mensalão do PT Pizzolatto. Alexandre Garcia comentou o pedido de demissão do ministro do Trabalho; a saída de Pizzolato do presídio da Papuda; e o medo do juiz Marcelo Bretas de ficar no Rio. De volta das férias, Eliane Cantanhêde disse que troca no Ministério do Trabalho foi de seis por meia dúzia, pois o PTB continua mandando; e o Supremo manda soltar Henrique Pizzolatto, uma das estrelas do mensalão.

Para ouvir clique aqui