Na terra como no céu

Na terra como no céu

Cientistas descobrem planetas similares à terra a 105 anos de voo. E o som de Tom Zé decola em São Paulo

José Nêumanne

23 de fevereiro de 2017 | 17h56

Tom Zé tropicalista e carnavalesco no palco aqui na terra Foto André Conti

Tom Zé tropicalista e carnavalesco no palco aqui na terra Foto André Conti

Cientistas descobriram um sistema com sete planetas de tamanho comparável ao da Terra, na órbita de uma estrela “vizinha” do Sistema Solar. Conforme o estudo publicado na revista Nature, os seis planetas mais próximos da estrela têm temperaturas entre 0 e 100 °C – característica indispensável para a vida. A 39 anos-luz da Terra – uma distância pequena para os padrões astronômicos –  pelo instrumento mais veloz já construído pelo homem – a nave Juno, que viaja a 265 mil quilômetros por hora – a viagem daqui para lá duraria  nada menos que 105 anos para chegar lá. Alguém se aventuraria? Viável é ir ao show de Tom Zé no teatro do Sesc Vila Mariana, aqui em São Paulo mesmo.

(Comentário no Show no céu e na terra no Estadão no Ar da Rádio Estadão – FM 92.9 – na quinta-feira 23 de fevereiro de 2017, às 7h54m)

Para ouvir clique aqui e, aberto o site Estação Nêumanne, no ícone do play

Para ouvir Assim Falava Zaratustra regido por Karajan clique aqui

Para ouvir 2001, de Tom Zé, com Os Mutantes, clique aqui

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.