Michel Sarney Calheiros

Michel Sarney Calheiros

"Nunca esperei nada de Temer, mas ainda assim ele me tem decepcionado muito"

José Nêumanne

16 de novembro de 2016 | 10h00

Surdo à voz da rua, Temer ouve mesmo coleguinhas causídicos

Surdo à voz da rua, Temer só ouve mesmo seus coleguinhas causídicos

Sem charme, carisma nem convicção quando fala direto ao cidadão, como o fez no Roda Viva levado a ar na segunda-feira, o presidente Michel Temer tem desperdiçado as chances que lhes foram e continuam sendo dadas de conquistar com credibilidade  (muito mais do que popularidade) a governabilidade no mandato-tampão, condição para se livrar da dependência de Renan e dos peemedebistas enrolados na Lava Jato. Se continuar se esgueirando nas sombras em que tenta proteger conspiradores da Operação Abafa no Congresso, repetirá Sarney, em vez de seguir a trilha de Itamar, o que poderia ter feito se fosse mais franco e menos preso ao legado da titular de sua chapa, Dilma Rousseff.

(Comentário no Estadão no Ar da Rádio Estadão – FM 92,9 – na quarta-feira 16 de novembro de 2016, às 7h15m)

Para ouvir clique aqui e, aberto o site da emissora, 2 vezes no play sob o anúncio em azul

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.