Mendigando milhões
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Mendigando milhões

Tido como direito, preparado e eficiente por PT e mercado, Bendine cobrava propinas à Odebrecht

José Nêumanne

08 Março 2018 | 12h57

De “golden boy” de Dilma e do mercado, que quis mantê-lo frente à Petrobrás, Bendine virou condenado da Lava Jato. Foto: MPF

Meu Direto ao Assunto abriu o Podcast Comentaristas do Jornal Eldorado da Rádio Eldorado – FM 107,3 – na manhã de quinta-feira 8 de março de 2018, comentando as seguintes notícias: Moro condenou Aldemir Bendine a 11 anos de cadeia por corrupção e lavagem de dinheiro; o futuro de 52% dos jovens do País está em risco, segundo estudo do Banco Mundial; o TRF-4 negou recurso de Lula contra prova da Suíça; a suíte de visita íntima com TV e cama de casal, um bordel no presídio José Frederico Marques, em Benfica, no Rio; Blairo Maggi defendeu a BRF e disse que até tem dó da empresa: a União não quitou dívidas com municípios de um ano para outro e tem 37 bilhões de restos a lhes pagar; Rodrigo Maia vai apresentar candidatura e nova política; e a representação feminina ainda é baixa na política brasileira, pois, em 192 países, Brasil fica em 152.º lugar e ,de 513 deputados em nossa Câmara, só 54 são mulheres. Alexandre Garcia analisou Bendine condenado; os 10 x 1 no Supremo contra a enrolação no ficha suja; e Blairo Maggi pondo fiscais de frigoríficos em linha direta com Ministério. Eliane Cantanhêde começou pelo Dia da Mulher, citando inclusive a iniciativa do Portal do Estado, em que colunistas e blogueiras cederem seu espaço para alguma mulher contar sua história de abuso; e abordou o lançamento do Rodrigo Maia, reproduzindo vários e rápidos trechos da entrevista feita por ela no dia anterior e também falou do DEM do trio Maia, Temer, Meirelles, questionando se essas peças se encaixam (Maia disse que, como no Rio, as eleições estão uma grande confusão também nos estados e que isso vale para São Paulo); opinou sobre o Mutirão contra a Violência, com Temer reunindo prefeitos de capitais no Planalto, prometendo-lhes mundos e fundos e toda semana haverá uma reunião assim; e acredita que, no empurra-empurra entre o ministro Barroso e Temer, quem perde politicamente é o presidente, mas fica uma pergunta que não quer calar: será que o ministro está fazendo tudo certinho? Em Direto Da Fonte, Sonia Racy falou de entrevista com Maria da Penha.

Para ouvir clique aqui