Madame cara de pau
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Madame cara de pau

Mulher de Cunha virou símbolo da quadrilha que rouba de todos para pagar próprio luxo bandido

José Nêumanne

11 de junho de 2016 | 14h02

Cláudia só pensa em luxo e riqueza

Cláudia só pensa em luxo e riqueza

Com a segunda recomendação de afastamento por Zavascki e o terceiro pedido nesse sentido do PGR, fecha-se o cerco a Eduardo Cunha. Para complicar, sua mulher, Cláudia Cruz, virou ré da Lava Jato por decisão do juiz Sergio Moro. E tornou-se símbolo do luxo bandido, com a revelação do MPF de que gastou R$ 1 milhão em bolsas, calçados e outros produtos de luxo. A revelação esclarece que a organização criminosa que beneficiou o casal roubou dinheiro do contribuinte para satisfazer o apetite de ostentação de riqueza dos dois.

(Comentário no Jornal da Gazeta 2 na sexta-feira 10 de maio de 2016)

Para vê-lo clique no link abaixo

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: