Lula quer Moro preso
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Lula quer Moro preso

Petista finge resistir à progressão do regime fechado de prisão fechado para, na prática, o aberto, em que poderá dormir em casa, para ganhar tempo e publicidade para sua obsessão de ter reconhecida sua condição de injustiçado

José Nêumanne

30 de setembro de 2019 | 21h13

Na cadeia, prestes a voltar a dormir em casa, Lula não abdica de cobrar dos amigões do STF sua obsessão de ver Moro e Dallagnol presos. Foto: Ricardo Stuckert

Lula finge resistir à eventual ordem que receber da juíza Carolina Lebbos, das Execuções Penais, de progredir de regime de pena de fechado para semiaberto para manter vivo um plano obsessivo que nutre há tempo. Além de exigir liberdade total e declaração de inocência passada em cartório, ele quer obter uma ordem de seus amigões do STF para prender o ministro da Justiça, Sergio Moro, e o procurador Deltan Dallagnol. Esta não parece tarefa fácil, mas, por enquanto, ele quer se manter no centro dos acontecimentos e do noticiário, enquanto espera resposta positiva a um duplo pedido de sua defesa. De um lado, o  cancelamento da pena a que está condenado. E, de outro, a desmoralização daqueles que diz persegui-lo. Ou até mesmo a inversão dos valores com a soltura do bandido e a detenção dos mocinhos do faroeste.

Para ouvir comentário no Jornal Eldorado clique aqui e, em seguida, no play

 

Assuntos do comentário de segunda-feira 30 de setembro de 2019

 1 – Haisem – Afinal, Lula está prestes a ir para casa ou vai esperar a decisão do Supremo Tribunal Federal a respeito da tentativa de ser cancelada a condenação decretada por Sergio Moro no processo da cobertura do Guarujá

 2 – Carolina – Você se surpreendeu com a declaração do ex-militante do PCdoB e ex-ministro de Lula e Dilma Aldo Rebelo a Pedro Venceslau e Ricardo Galhardo, do Estadão, concordando com o discurso do presidente Jair Bolsonaro na abertura da assembléia-geral da ONU em Nova York

ALDO A 3008

 3 – Haisem – O que ainda pode impedir que o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo gaste 1 bilhão e 200 milhões de reais de dinheiro público nesta crise para construir duas torres para abrigar seus 360 conselheiros

 4 – Carolina – O que a parte da delação premiada do empreiteiro Léo Pinheiro, da OAS, tem a ver com a crise aberta entre governo e Senado sobre os mandatos de busca e apreensão nos gabinetes e nas casas do líder do governo, Fernando Bezerra Coelho, e seu filho, Fernando Filho

 5 – Haisem – O que você tem a dizer sobre a notícia dada por Aguirre Talento do Globo a respeito da devolução do dinheiro roubado no petrolão no meio da crise instalada pelas supostas mensagens dos hackers de Araraquara

 6 – Carolina – O que há de revelador no livro da economista Maria Cristina Pinotti sobre a Operação Mãos Limpas na Itália e o que está acontecendo agora com o juiz Sérgio Moro e a Operação Lava Jato aqui no Brasil

 7 – Haisem – O que você achou do artigo do jurista Walter Maierovitch no Blog do Fausto Macedo no portal do Estadão de sábado sobre a decisão que o Supremo Tribunal Federal tomará quarta-feira dia 2 de outubro a respeito dos prazos de defesa de réus delatados em relação aos de réus delatores

 8 – Carolina – Que relação há entre a confissão do ex-procurador da República Rodrigo Janot de que pensou em matar o ministro do STF Gilmar Mendes e a atuação da força-tarefa da Operação Lava Jato

 

Tendências: