Lula, ladrão e lavador de dinheiro

Lula, ladrão e lavador de dinheiro

Petista nunca esteve preso, mas foi solto, e isso não basta para que possa vender a ilusão de que Justiça o considerou inocente, ao contrário continua condenado por corrupção e lavagem de dinheiro

José Nêumanne

10 de novembro de 2019 | 14h17

Duas mentiras Lula nunca foi preso e foi solto, mas isso não lhe dá inocência nenhuma no momento. Foto: Carl de Souza/AFP

Lula foi solto, mas não estava preso, pois morava de favor na PF de Curitiba. A decisão infame e descabida do STF não o inocentou. Condenado com todas as provas em três instâncias, os honrados ex-juiz Moro, 3 desembargadores do TRF 4 de Porto Alegre e cinco do STJ em Brasília o condenaram por unanimidade – 9 a 0 – e sem cancelamento de condenações ou provas. Quanto ao STF a serviço de partidecos de esquerda e advogados milionários, cabe a Bolsonaro, para honrar a delegação dos eleitores, mudá-lo: demitir e não promover ao STF advogado-geral da União, André Mendonça, que bajulou o corrupto e lavador de dinheiro em texto impresso e vive de promoções arranjadas pelo padrinho Toffoli, para nomear alguém comprometido com a revisão dessa torpeza. Além de apoiar emenda contra PEC da Bengala e não reconduzir o traidor da classe Augusto Aras à PGR, já que não é mais possível corrigir a imensa besteira que fez ao nomear um quinta coluna que o lisonjeou. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver vídeo no YouTube clique aqui

 

Tudo o que sabemos sobre:

José Nêumanne PintoLulaVídeo no Youtube

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.