As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Justiça esfola cidadão na pandemia

Tribunal de Justiça de São Paulo propõe um aumento de R$ 6,8 bilhões das verbas para sua manutenção, 55% a mais em plenas pandemia e perspectiva de recessão econômica

José Nêumanne

13 de agosto de 2020 | 22h17

Desembargadores paulistas abusam de seu poder cobrando exorbitância dos pagadores de impostos. Foto: Reprodução

O Tribunal de Justiça de São Paulo propôs ao governo estadual aumento de R$ 6,8 bilhões de seus gastos, passando dos R$ 12,3 bilhões deste ano para R$ 19,1 bilhões em 2021. Inacreditáveis 55% neste momento em que milhões de trabalhadores perdem empregos e renda e o Estado mais rico do País anuncia plano de contingenciamento para enfrentar perda bilionária de arrecadação por causa da recessão causada pela endemia da covid-19. Essa gentalha grã-fina não está fora da realidade brasileira, mas do Planeta Terra, assolado pela perda de vidas e a consequente recessão econômica. E, atendendo a pedidos de inscritos, reproduzo aqui o link para assinatura do manifesto contra a volta do imposto de 12% sobre livros, hoje isentos:: http://chng.it/R2TBC2pZ . Direto ao assunto. Inté. Só a verdade nos salvará.

para ver vídeo no YouTube clique aqui

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: