As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Hora de cortar na máquina pública

No dia em que Bolsonaro fez MP do trabalho com mais sacrifícios para trabalhador privado, Maia propõe sacrifício também para privilegiados da elite política e da alta burocracia federal, ponto para ele

José Nêumanne

24 de março de 2020 | 18h32

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, em entrevista à CNN, disse ser necessário para financiar o combate à covid-19 cortar pela metade salários de parlamentares e também executar cortes similares na alta burocracia estatal. Já critiquei muito o deputado fluminense, mas agora sou obrigado a reconhecer que ele adotou a postura correta. Resta saber se manterá a proposta, mesmo correndo o risco de perder muitos apoios na Casa, que preside e se conseguirá chegar a esse ponto. Mas ele pelo menos assumiu a bandeira certa, o que até agora o presidente Bolsonaro não o fez.

Para ouvir comentário no Jornal Eldorado clique aqui

 

Assuntos para comentário da terça 24 de março de 2020

1 – Haisem – Você acha que a ideia aventada pelo presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, de reduzir salários da máquina pública para bancar despesas e desastre econômico da pandemia de covid-19 tem alguma possibilidade de ser adotada no Brasil dos privilégios

2 – Carolina – Criticado, Bolsonaro recua em parte da MP sobre  trabalho – esta é a manchete do Estadão de hoje. Qual a sua opinião sobre esse recuo do presidente em assunto tão relevante quanto o é o salário dos trabalhadores

3 – Haisem – Após pressão, presidente anuncia ajuda aos Estados – é o título de notícia que fica exatamente ao lado da manchete da primeira página do Estadão. O que você acha dessa decisão de Bolsonaro contrariando as críticas que ele tem feito aos governadores

4 – Carolina – Qual é sua opinião sobre decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal Marco Aurélio Mello negando autorização para o governo federal cancelar beneficiados por Bolsa Família no Nordeste a pretexto de fraude na distribuição

5 – Haisem – O ministro do Superior Tribunal de Justiça Rogério Schietti Cruz, disse que o coronavírus não é passe livre e se negou a soltar o ex-governdor do Rio Sérgio Cabral. Você concorda com a decisão dele

6 – Carolina – O título de seu artigo semanal no Blog do Nêumanne, publicado ontem, é A guerra de todos e a arenga de Bolsonaro. O que o texto aborda, especificamente

 

 

 

Tendências: