Falta independência

Falta independência

Amigo e subordinado de Temer, apoiado por partidos, Moraes não tem independência para STF

José Nêumanne

06 de fevereiro de 2017 | 19h11

Moraes comunica à mulher por WhatsApp sua indicação para o STF

Moraes comunica à mulher por WhatsApp sua indicação para o STF

Moro diz em Nova York que governo Temer e Congresso nada fizeram para combater a corrupção. Em Brasília, foi feito o esperado anúncio oficial do substituto do ministro Teori Zavascki no STF: Temer avisou domingo a quem se apresentou como candidato que este seria o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes. Apoiado por partidos, muito amigo e fiel serviçal do chefe do governo, Moraes tem contra sua escolha o excesso de comprometimentos com a política, que hoje no Brasil, como lembrou o juiz da Lava Jato, é sua antípoda. Mas pode, como Fachin, surpreender e, ciente da importância de seu papel desempenhar como se espera de qualquer um: equilíbrio, sensatez e imparcialidade.

(Comentário no Direto da Redação 3 da Rádio Estadão – FM 92,9 – na segunda-feira 6 de fevereiro de 2017, às 17h34m)

Para ouvir clique aqui e, ao abrir o site da emissora, 2 vezes no play sob o anúncio em azul

 

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.