Em proveito do juiz

Ministro do STF Marco Aurélio Mello adota decisões autocráticas como armas de luta contra prisão pós segunda instância

José Nêumanne

29 de junho de 2018 | 13h23

Habeas corpus para Cunha beneficia ministro Mello, e não o réu

(Comentário do Jornal da Gazeta 2 quinta-feira 28 de junho de 2018)

Para ver clique aqui

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.