E se pode chamar isso de Justiça?
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

E se pode chamar isso de Justiça?

Sem interromper sua cruzada pelo País pregando a volta do poder para a política, depois do predomínio do Judiciário, presidente do STF, Toffoli, marca tentativa de soltar Lula para abril

José Nêumanne

18 Dezembro 2018 | 11h01

Em plena cruzada pela transferência de poder da Justiça para a política, cínico Toffoli marca data para tentar soltar Lula. Foto: Dida Sampaio/Estadão

Enquanto anda pelo Brasil pregando a transferência da supremacia do Judiciário para a política, o presidente do STF, Dias Toffoli, pratica mais uma ignomínia ao anunciar para abril de 2019 nova votação plenária para tentar soltar Lula e outros clientes de advogados grã-finos com a exigência de “trânsito em julgado”, ou seja, recursos infinitos, mudando a jurisprudência que permite a tribunais de segunda instância ordenarem o início de cumprimento de penas a condenados em colegiado. Se gostar deste vídeo, por favor, dê um like, inscreva-se no meu canal, clique no sininho para ser avisado quando publicar os próximos; e me acompanhe diariamente no Blog do Nêumanne, Política, Estadão (https://politica.estadao.com.br/blogs/neumanne/) e no meu site Estação Nêumanne (www.estadao.com); de segunda a sexta feiras, às 6 horas, no Estadão Notícias no Portal do Estadão e, às 7h30m, no Jornal Eldorado da Rádio Eldorado – FM 107,3 (eldorado@estadao.com.net); e esporadicamente no Estadão às 5 aqui mesmo no Youtube. Direto ao assunto. Inté. E Deus é mais!

Para ver o vídeo no YouTube clique aqui