Circo mambembe no Congresso
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Circo mambembe no Congresso

O circo armado pelo governo para manter Dilma no poder provocou risos entre os palhaços, mas fez a plateia, que paga o espetáculo com dor, só chorou.

José Nêumanne

09 de maio de 2016 | 21h17

Waldir, pau mandado do Palácio

Waldir, pau mandado do Palácio

A decisão monocrática de Waldir Maranhão, presidente interino da Câmara de Deputados, de anular o voto livre de 367 colegas. tem pai, mãe, padrinho e mandante. Ele merece ser punido, mas também terá de sê-lo quem está por trás dessa decisão que torna o País vítima da galhofa do mundo: Dilma, Cardozo e, sobretudo, Mercadante Oliva, que reapareceu depois de passar um tempo escondido na Esplanada dos Ministérios e puxou a comemoração de circo mambembe que antecipou em quase um ano o carnaval de 2017. Renan Calheiros salvou o Senado e o País do vexame protagonizado na Câmara.

(Comentário no Direto da Redação 3 da Rádio Estadão – FM 92,9 – na segunda-feira 9 de maio de 2016,às 18 horas)

Clique aqui e, ao abrir o site, faça-o de novo no ícone play abaixo do anúncio em azul da rádio